Cruzeiro do Sul - Acre, sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Publicado em 11 de agosto de 2011

Transporte escolar faz alunos desistentes voltarem a escola em Marechal Thaumaturgo

Um microônibus facilita o transporte de aproximadamente 200 crianças no município de Marechal Taumaturgo que enfrentavam longas caminhadas para chegar à escola. Até crianças que já tinham desistido estão voltando às aulas.

O município conta com um ônibus e um microônibus em funcionamento atendendo 178 crianças de pré-escola dos pontos mais distantes. São quatro rotas durante os três turnos. A estimativa é que esse número aumente cada vez mais.

Anteriormente, os pais dos alunos da Escola de ensino infantil, Maria Luzia Elias dos Santos teriam que deixar seus filhos todos os dias na escola, outros se arriscavam em motocicletas onde tinha crianças que eram levadas para a escola por seus irmãos mais velhos enfrentando as ladeiras, sol e chuva.

Agora as crianças de dois a cinco anos do ensino infantil que moram nos bairros da Cerraria, União, na Rua Deleus Baraúna (centro) e do Ramal, são conduzidas por um microônibus até o portão da escola.

A felicidade é tanta que segundo a diretora Railda Oliveira, os alunos desistentes estão voltando a estudar. “Como o ensino infantil não é obrigatório, tinham pais que optavam por não colocar seus filhos na pré-escola, devido os riscos de vida que corriam nas ruas com movimentação de outros veículos no trajeto de casa para escola, muitos não disponibilizavam de transporte ou tempo para vir deixar e buscar seus filhos. Agora pelo que vemos, estamos vivendo novos tempos, com um transporte escolar de qualidade. Os pais estão mais confiantes e as crianças bem mais entusiasmadas para estudar”, comentou a diretora.

Já a secretária de educação, Rosineide Bezerra disse que ao assumir a secretaria em junho desse ano, procurou tomar conhecimento quanto às dificuldades dos alunos e uma das maiores dificuldades, mesmo que as escolas não estejam tão distantes é o transporte escolar.

Por isso, em acordo com o prefeito Randson Almeida (PMDB) foram priorizadas as crianças de pré-escola, mas estão buscando alternativas para atender alunos de outras escolas municipais.

“Confesso estar surpresa em saber que alunos desistentes estão voltando à escola e que os pais estão mais confiantes, acreditando de vez na educação do nosso município já que o transporte escolar era um sonho. Outro passo importante é a organização do cardápio da merenda escolar onde contamos com uma nutricionista para cuidar deste assunto”, explica a secretaria.

A direção da Escola Maria Luzia Elias dos Santos, atendendo reivindicações dos pais dos alunos já solicitou à prefeitura a construção de quatro pontos de ônibus com cobertura em locais estratégicos do município para que as crianças que estudam no turno da tarde não fiquem expostas ao sol durante a espera pelos ônibus.

Assessoria – Donicélio Nunes

Compartilhe

    Comentários:

    1. eu disse:

      O microônibus é uma realidade, algo maravilhoso… já merenda escolar…. a palavra certa é vergonhaaaaaaaaaaaaaa……. venham verificar como é a merenda das crianças…. o que é que tem de nutritivo suco (qsuk) com pipoca……

    2. Hélio Jacinto Pereira disse:

      As crianças são o futuro de nosso país.
      Espero que em todos os Municípios elas possam contar com um transporte de Qualidade pra poderem estudar.
      Também é fundamental a Construção de abrigos nos locais onde elas pegam os ónibus,pra que fiquem protegidas do Sol e da Chuva,chegando as Escolas com alegria e disposição pra estudar.
      Dar transporte de Qualidade aos alunos e construir abrigos decentes pra elas,deve ser tema das próximas eleições,mas não custa os atuais Prefeitos começarem a providenciar isto!

    Deixe seu comentário

    Mensagem

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS