Cruzeiro do Sul - Acre, domingo, 23 de setembro de 2018

Publicado em 25 de maio de 2011

Processo de promoção de juízes resulta em transferências no Juruá

A Primeira Vara Criminal da Comarca de Cruzeiro do Sul será ocupada pelo juiz, José Wagner Alcântara, que estabeleceu horário para a permanência de menores nas ruas de Mâncio Lima. Juíza ameaçada de morte em Tarauacá também será lotada em Cruzeiro do Sul.

O juiz José Wagner ocupará a vaga de Hugo Torquato, que está se transferindo para a vara única de Assis Brasil. O trabalho de Hugo Torquato vinha sendo aprovado pela população, principalmente por acompanhar blitz e ações policiais pelas ruas no período noturno, junto com o promotor criminal, Iverson Buerno. Mas, seu substituto José Wagner também vinha desempenando um trabalho importante no município de Mâncio Lima. Mesmo atuando na pequena cidade, o magistrado se tornou conhecido em todo Acre, por sustentar uma medida estabelecendo horário de permanência de menores nas ruas, o que alguns meios de comunicação chamaram de “toque de recolher”.

Na Segunda Vara Criminal também de Cruzeiro do Sul estará atuando a juíza, Andrea Brito, que atuava como juíza eleitoral de Tarauacá e determinou o afastamento do prefeito, Vando Torquato, que continua fora do cargo. A magistrada chegou a ser ameaçada de morte e teve sua segurança reforçada. Ela substituirá a juíza, Evelin Campos Cerqueira, que passará a responder pelos juizados.

Segundo a assessoria de imprensa do TJ-AC, o juiz Clóvis de Souza Lodi permanece respondendo pelas duas Varas Cíveis de Cruzeiro do Sul. Para a comarca de Mâncio Lima será deslocada a juíza, Adamárcia Machado Nascimento, transferida de Rio Branco.

www.tribunadojurua.com – Genival Moura

Compartilhe

    Deixe seu comentário

    Mensagem

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS