Cruzeiro do Sul - Acre, domingo, 23 de setembro de 2018

Publicado em 5 de julho de 2016

Gás metano pode ser causa de focos de incêndio no lixão de Cruzeiro do Sul

incêndio lixão 1Mais uma vez o corpo de bombeiros de Cruzeiro do Sul foi acionado para controlar um princípio de incêndio, ocorrido no lixão, no último domingo (03). O fogo ocasionou o surgimento de uma fumaça densa e de cor escura, possivelmente tóxica.

O acúmulo de lixo e de entulho em decomposição estaria gerando gás metano, material altamente inflamável, de acordo com os bombeiros.

O comandante local do 4° Batalhão, coronel Araújo, afirma que incêndios como esse podem durar vários dias.

incêndio lixão 12“O que a gente pode fazer de momento é simplesmente resfriar o local utilizando água, e em seguida pedir o apoio de uma maáquina para fazer a remoção do lixo, o que não resolve o problema. A presença de gás no subsolo possibilita o aparecimento de novos focos de incêndios, e isso gera outra situação, uma fumaça tóxica que pode inclusive, trazer danos à saúde,” informou.

Com a chegada do verão e consequentemente do período de estiagem, também é preciso ficar em alerta para surgimento de queimadas urbanas e rurais.

“Hoje Cruzeiro do Sul ocupa a quarta colocação no índice que mede o perecimento de focos de incêndios no estado do Acre. O município fica à atrás apenas de: Feijó, Tarauacá e da capital Rio Branco”, acrescentou.

Atear fogo em  entulhos, lixo ou  em área de florestas estão proibidas em Cruzeiro do Sul.

Compartilhe

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS