Cruzeiro do Sul - Acre, terça-feira, 13 de novembro de 2018

Publicado em 13 de julho de 2013

Cruzeiro do Sul promove II Conferência Municipal de Cultura

O evento segue até as 17h desse sábado no auditório da Escola Flodoardo Cabral

foto conferencia teatroA abertura da II Conferência Municipal de Cultura que trouxe como tema: “ Uma política de estado para cultura: Desafio do Sistema Municipal de Cultura”, aconteceu na noite desta sexta-feira(12) no Teatro dos Náuas. O evento que visa elaborar políticas públicas voltadas para o fortalecimento da cultura regional iniciou com uma homenagem a uma das pessoas que fez história na cultura da região cruzeirense, o músico Hélio Modesto, mais conhecido como Seu Lins.

“ Nós ficamos felizes em saber que o nome de pessoas importantes como o do meu pai está sendo preservado e lembrado”, falou o artista Carlos Sampaio, filho do homenageado.

banda bisA banda do 61 bis tocou o Hino Nacional e Municipal, em seguida a mesa foi composta pelo presidente municipal do conselho de cultura Aldemir Maciel, pelo presidente estadual do conselho Lenine Alencar, presidente da Associação Comercial Assem Cameli, pelo secretário de cultura municipal Neto Vitalino, pela diretora presidente da Fundação Elias Mansuor, Francisnelda Alves,pelo presidente da câmara de vereadores Romário Tavares, pelo artista local Carlos Sampaio, e pelo prefeito em exercício Mazinho Santiago.

“ Esse é o momento de Cruzeiro do Sul resgatar sua cultura,como os festivais que existiam no município” mencionou o prefeito em exercício Mazinho Santiago.

grupo aldemirDurante a noite ainda se apresentaram os grupos de dança Triplo X, Suing da Mata, a cantora gospel Nauane, o poeta Andisson Silva e os músicos Jairo Carlos e Sampaio. Um dos marcos na atual gestão é valorizar o artista local durante os eventos promovidos pelo município.

“A palavra representatividade resume tudo, os artistas locais representam o município onde quer que vão”, falou o cantor local Bruno Barros.

dançaA lei exige que todos os municípios façam suas conferências municipais, onde são escolhidos os delegados para representar os municípios na conferência estadual e lá se escolhe outros representantes para a Nacional. Durante a conferência municipal será escolhido um delegado a cada 20 pessoas participantes do evento.

“A conferência de cultura é o momento que os artistas têm para criar uma parceria com o poder público no sentido de criar leis, criar uma política de estado, não uma política de governo”, relatou o presidente do conselho de cultura municipal Aldemir Maciel.

A conferência teve prosseguimento na manhã deste sábado(13) no auditório da Escola Professor Flodoardo Cabral, e segue até as 17h. No local estão sendo debatidos os seguintes eixos temáticos:

– Implementação do Sistema Municipal de Cultura

-Produção Simbólica e Diversidade Cultural

-Cidadania e Direitos Culturais

-Cultura como Desenvolvimento Sustentável

“Essa segunda conferência vem marcar ainda mais o desenvolvimento para os artistas locais. Trazendo avanços, em todos os eixos da cultura” enfatizou o secretário de cultura Neto Vitalino.

A 1ª Conferência de Cultura foi realizada em 2009, quando foi criado o Conselho Municipal de Cultura, e a partir de agora o Sistema Municipal de Cultura e o Plano de Cultura podem ser criados.

Tribuna do Juruá – Vanisia Nery

Compartilhe

    Comentários:

    1. estefanio disse:

      oi qria mt entra neste grupo de dança eu danco deste crianca entrei num grupo + nao deu certo por favo me der uma oportunidades pra eu entra neste lindo grupo de dança ogd

    Deixe seu comentário

    Mensagem

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS