Cruzeiro do Sul - Acre, quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Publicado em 19 de agosto de 2013

Alucinado, homem entra em quartel da PM com um terçado

Ainda em efeito de substância entorpecente o acusado alega que estava sendo perseguido

batalhão policia militarO mecânico Valdenilson de Souza Silva, 33, entrou no quartel da PM na noite deste domingo (18), armado com um terçado.  De porte da arma branca, o acusado entrou pelo portão principal do quartel da PM, e logo foi abordado pelos policiais, que faziam a guarda do quartel. O mecânico foi detido pelos policiais e entregue na Delegacia Geral de Policia. Segundo o comandante da Policia Militar em Cruzeiro do Sul, Tenente Coronel Aires, os portões do quartel ficam abertos constantemente para que as viaturas e população em geral possa ter acesso ao Batalhão. Ele explicou que o acusado estava sob efeito de substância entorpecente.

tenente coronel aires

“O quartel fica aberto 24 horas, para entrada e saída de viaturas, e esse cidadão adentrou no quartel com a arma na mão. O oficial determinou que ele soltasse a arma, e foi atendido prontamente”, relatou o comandante da Policia Militar em Cruzeiro do Sul, Tenente Coronel Aires.

O acusado alega, ainda alucinado, que estava sendo ameaçado por “marginais”, e foi procurar ajuda no quartel da PM.

valdenilson acusado entrar pm“Eu recebi umas fotos com meus filhos amordaçados, gritando, e eu sai para comprar bebida, mas quando voltei a minha televisão estava fora do lugar, tinha alguém lá dentro. Quando eu sai fora da minha oficina eu sai andando no meio da rua riscando terçado, eu pedia ajuda e ninguém me ajudava. Quando cheguei na PM os policiais já haviam sido rendidos pelos marginais, aí eu entreguei o terçado para eles”, o mecânico contou  dessa forma sua versão.

Ainda na manhã desta segunda-feira, Valdenilson encontrava-se detido na delegacia.  Ele responderá por porte de arma branca em via pública.

“ Será lavrado um termo circunstanciado de ocorrência, respondendo pelo artigo 19, tendo  em vista que ele portava uma arma branca em via pública”, explicou o delegado Vinicius Almeida.

Tribuna do Juruá – Vanísia Nery

Compartilhe

    Comentários:

    1. verdade disse:

      pqp. o cara tava loucao de drogas…

    2. nao julgue ninguem vc nao e Deusssssssssss disse:

      ei cade a briga que aconteceu no farinhada na noite de sabado um rapaz teve os dedos cortados de terçados por envolvidos teve tiro de policiais com os envolvidos por q tudo q acontece no farinhada nao sai noticias?

    Deixe seu comentário

    Mensagem

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS