Cruzeiro do Sul - Acre, sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Publicado em 18 de abril de 2015

Polícia Civil prende jovem que se considerava “o Magaiver” e fraudava sistema da Sky

Polícia Civil prende jovem que se considerava “o Magaiver” e fraudava sistema da sky

Romário Alves Pinto

Romário Alves Pinto – O Magaiver da Sky

Romário Alves Pinto foi preso durante a manhã desta sexta-feira  (17) por agentes de Polícia Civil de Cruzeiro do Sul. De acordo com o delegado Elton Futigame, ele teria movimentado mais de dois milhões de reais, em um prazo de três anos, com os  golpes aplicados no sistema de TV por assinatura em vários estados  do país.

Os policiais partiram de denúncias anônimas e depois de vários dias de investigações conseguiram efetuar a prisão. Segundo o que foi apurado, ele se passava por Ronaldo em Cruzeiro do Sul e se identificava de forma diferente em cada cidade por onde passava, para não ser encontrado pela polícia.

Apesar de jovem, com apenas 21 anos de idade, Romário é dotado de um profundo conhecimento das tecnologias que movimentam as TVs por assinatura e aproveitava a experiência para burlar o sinal. Em cada cidade que ele chegava, fazia contato com empresas credenciadas para contratar pontos da Sky, os quais eram fornecidos aos clientes interessados  em forma  de aluguel.

Romário Alves Pinto preso

Romário Alves Pinto preso

“Uma assinatura, segundo o que ele falou, para uma pessoa jurídica, com 150 pontos, custava um valor de R$ 2400,00. Ele alugava cada ponto por um valor  de R$ 100,00 e faturava um montante de R$ 15 mil.  Então ele tirava o valor para pagar a assinatura  e ficava com o resto. Esse esquema já era aplicado em vários lugares onde já foram identificadas mais de 100 empresas credenciadas da Sky envolvidas no golpe” – disse o  delegado.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, Romário utilizava cartões bancários, CPF, RG e carteira de habilitação falsificados e uma permissão, também fraudada, para viajar de forma ilimitada em uma empresa de transporte aéreo. Ele afirmou que faturava em torno de R$ 50 mil mensais e teria, nos três anos de esquema, adquirido um patrimônio de R$ 2 milhões.

“Ele se considera expert nesse esquema, até  disseque era o Magaiver  do  sistema  da Sky, e afirmou que quando  sair vai voltar  a  aplicar o mesmo tipo de golpe” – afirmou Futigame.

Romário ficou inconformado pelo fato de ser procurado pela polícia de vários estados e só ter sido preso  por policiais do  Acre.

Tribuna do Juruá

Compartilhe

    

    Site desenvolvido por Agência Live Design

    Fones: (68) 3322-7302 / 9998-9802
    Responsável: Cleonildo R. do Nascimento

    REDES SOCIAIS